Quarta-feira, Fevereiro 1, 2023
Biologia

Sistema circulatório: órgãos e funções do sistemas circulatório

348views

O Sistema Cardiovascular ou Circulatório é o conjunto de órgãos responsáveis pela distribuição de nutrientes para as células e coleta de suas excretas metabólicas para serem eliminadas por órgãos excretores.

Circulação Sanguínea:

Podemos dizer que a circulação do sangue começa no Átrio Direito, é levado para o pulmão para oxigenação do sangue venoso (pobre em oxigênio), volta para o coração através do Átrio Esquerdo e passa para a Artéria Aorta e segue para o resto do corpo. Lembre-se que sempre o sangue venoso entra no coração pelo Átrio Direito e segue para a oxigenação nos pulmões, volta pelo Átrio Esquerdo já oxigenado e segue para o resto do corpo.

Circulação Pulmonar (Pequena Circulação): É a circulação responsável pela oxigenação do sangue. Átrio Direito, Ventriculo Direito, Artéria Pulmonar, Pulmões, Veias Pulmonares, Átrio Esquerdo. Circulação Sistêmica (Grande Circulação): É a circulação responsável pela irrigação sanguínea de todo o organismo.

Ventrículo Esquerdo, Artéria Aorta, Organismo, Veias Cavas, Átrio Direito (recomeça o ciclo da circulação pulmonar). Sangue venoso: Sangue com baixo teor de oxigênio, carrega gás carbono para haver a troca gasosa nos pulmões. Na figura abaixo o “sangue azul” representa o sangue venoso e o vermelho já é o sangue oxigenado.

Os órgãos que fazem parte do sistema circulatório:

O sistema circulatório humano é composto pelo sangue, condutores (veias e artérias) e coração. O coração é o órgão que bombeia o sangue.

O sistema vascular é composto pelos vasos sanguíneos: artérias, veias e capilares. As artérias são os vasos pelos quais o sangue sai do coração. Como a pressão do sangue no lado arterial é maior, comparando com as veias, resultando ser a parede das artérias mais espessa. As veias são os vasos que trazem o sangue para o coração; dentro delas há válvulas que impedem o refluxo do sangue. Os capilares são vasos microscópicos, com apenas uma camada de células e uma camada basal e que são responsáveis pelas trocas de gases e nutrientes entre o sangue e o meio interno.

O sangue segue um caminho contínuo, passando duas vezes pelo coração antes de fazer um ciclo completo. Pode-se dividir, desta maneira, o sistema circulatório em dois segmentos: a circulação pulmonar e a circulação sistêmica.

Sangue: Responsável por carregar nutrientes e oxigênio para as células e recolher as excreta metabólicas e gás carbônico; pelo controle da temperatura corporal e pela defesa do organismo.

Vasos sanguíneos: são as vias de transporte por onde o sangue circula. São divididos basicamente em artérias (vasos que saem do coração e conduzem o sangue para todo o corpo), veias (vasos que carregam sangue dos tecidos ao coração) e capilares (vasos sanguíneos microscópicos que se originam das ramificações das artérias e veias e tem como função irrigar as células).

O coração: É um órgão ímpar e mediano, situado dentro da caixa torácica entre os dois pulmões, adiante do esôfago e apoiado sobre o diafragma. Tem a função de bomba, indispensável à circulação do sangue. Esta função é regulada pelo sistema nervoso autônomo mediante o sistema de condução elétrica do coração. Por isso não podemos regular voluntariamente a frequência de bombeamento. É formado por musculatura estriada que é alimentada pelos vasos cardíacos ou coronários. É um órgão oco, dividido em quatro cavidades, separadas entre si, duas a duas e possuindo válvulas fibrosas que permitem a passagem do sangue num único sentido. Destas cavidades saem ou chegam uma série de vasos sanguíneos que se dirigem ou provêm da circulação do organismo.

Funções do sistemas circulatório

O sistema circulatório é responsável por conduzir elementos essenciais para todos os tecidos do corpo: oxigênio para as células, hormônios (que são liberados pelas glândulas endócrinas) para os tecidos, condução de dióxido de carbono para sua eliminação nos pulmões, coleta de excretas metabólicos e celulares, entrega desses rejeitos nos órgãos excretores, como os rins. Além disso, apresenta importante papel no sistema imunológico de defesa contra infecções, na termorregulação (acima da temperatura normal, efetua a vasodilatação dos vasos periféricos e, abaixo dela, produz vasoconstrição periférica). O transporte de nutrientes desde os locais de absorção até as células dos diferentes órgãos também é realizado por este sistema. De modo geral, o sistema circulatório mantém as células em condições adequadas para que consigam sobreviver e desempenhar suas funções individuais da melhor maneira, portanto permite a manutenção da homeostase.

Nota: Os sistemas cardiovasculares dos humanos são fechados, o que significa que o sangue nunca sai da rede de vasos sanguíneos. Em contraste, o oxigênio e os nutrientes se difundem através dos vasos e entram no fluido intersticial, que carrega oxigênio e nutrientes para as células alvo, e dióxido de carbono e restos na direção oposta. O outro componente do sistema circulatório, o sistema linfático, não é fechado

Leave a Response