Terça-feira, Janeiro 31, 2023
Saúde

Qual a diferença entre intoxicação e infecção alimentar?

106views

À primeira vista, os termos intoxicação e infecção alimentar podem parecer sinônimos. Mas, se referem a condições diferentes. Ambas são causadas pela ingestão de alimentos contaminados. Porém, na infecção, sempre há a presença de algum micro-organismo patogênico, como protozoários, bactérias ou vírus. Alguns exemplos destes agentes infecciosos são as bactérias E. Coli e Salmonella. Já a intoxicação é quando ingerimos alimentos estragados porque foram mal armazenados, estão fora do prazo de validade ou não foram preparados seguindo boas práticas de higiene. Por isso, ficaram contaminados por fungos ou bactérias. Saiba mais sobre a diferença entre intoxicação e infecção alimentar.

Diferença entre intoxicação e infecção alimentar: sintomas

Os sintomas, tanto da intoxicação quanto da infecção, são bastante similares. Ou seja, náuseas, vômitos, calafrios, diarreia e dor abdominal, entre outros. Também pode haver febre.

Casos leves de intoxicação em pessoas saudáveis tendem a melhorar com cuidados de dieta à base de alimentos cozidos, em pequenas quantidades, a cada 3 horas, e bastante hidratação. Assim, além de água, também pode-se ingerir bebidas isotônicas. Contudo, se for preciso, o médico também pode indicar medicamentos analgésicos contra dor e para tratamento de náusea e vômitos. “Dessa forma, o quadro geralmente se resolve em 3 dias”, diz André Ibrahim David, cirurgião do aparelho digestivo do Hospital Samaritano Higienópolis, em São Paulo (SP).

Leia ainda em:https://leiaeaprenda.com/solidao-aumenta-risco-de-doenca-cardiacas-em-mulheres

Os mesmos cuidados valem na infecção. Contudo, neste caso, se houver a suspeita de uma infecção bacteriana, pode ser preciso fazer uso de antibióticos.

Em todos os casos, se houver febre alta, diarreia com muco ou sangue e vômitos intensos sem a possibilidade de hidratação oral, os pacientes devem procurar um pronto-socorro para exames e hidratação.

Como evitar?

Acima de tudo, preste muita atenção na origem do que você está consumindo, no aspecto e no odor dos alimentos e dos líquidos. Ao menor sinal de um gosto ruim ou estranho, despreze o alimento. Higienize  verduras e a casca de frutas com hipoclorito de sódio para eliminar possíveis contaminações. Assim, para isso, pingue de duas a quatro gotas da solução com concentração entre 2% a 2,5% para cada 1 litro de água. Deixe o alimento por 30 minutos em um recipiente fechado e só depois utilize-o para consumo.

Leave a Response