Quarta-feira, Fevereiro 1, 2023
Biblioteconomia e Documentação

Bibliotecas Comunitárias: Conceito , Gestão e Função Social

123views

Bibliotecas comunitárias
As bibliotecas comunitárias se apresentam como uma nova tipologia de bibliotecas. Porém, embora sejam espaços públicos de informação, são sustentadas por pessoas da sociedade em geral. Elas se instituem como locais que buscam ser espaços de leitura, cultura e acesso à informação de sujeitos que, na maioria das vezes, não dispõem de outros espaços destinados à essas atividades.

Tais bibliotecas, também podem ser conceituadas como espaços de leitura que surgiram por iniciativa das comunidades e são gerenciados por elas, ou ainda aqueles espaços que, embora não tenham sido iniciativas das próprias comunidades, voltem-se para atendê-las. São locais que preservam sua natureza de uso público e comunitário em sua essência, tendo como princípio fundamental a participação de seu público nos processos decisórios e avaliativos.

As bibliotecas comunitárias podem ainda ser consideradas uma “instituição de memória e de interação de práticas de aprendizagens e de mudanças sociais”. São formas de organização social, criadas para a produção, e troca e registro de conhecimentos locais, gerando, a partir disso, uma memória social

Gestão
A equipe das bibliotecas comunitárias se caracteriza por manter uma gestão compartilhada de caráter consultivo ou deliberativo. Nessa equipe atuam, os próprios idealizadores das bibliotecas, mediadores e mediadoras de leitura, bibliotecários(as), coordenadores(as) e facilitadores de oficinas.

Devido à falta de uma política pública que garanta recursos próprios para
as bibliotecas, sobretudo as comunitárias, elas sofrem com o déficit de recursos humanos. As equipes são formadas por pessoas voluntárias ou que recebem uma ajuda de custo para manter a biblioteca em funcionamento. Isso causa uma rotatividade alta de pessoal, “implicando uma inconstância na execução de projetos”.

Função social das bibliotecas comunitárias
Tal papel é evidenciado na transformação de vidas de jovens em situação vulnerável, na vida das crianças que se alfabetizam na biblioteca, na vida de mães e avós que retomam o hábito da leitura, entre tantos outros benefícios que são proporcionados pela biblioteca, sobretudo por meio da literatura e da arte.

Dessa forma, as bibliotecas comunitárias são espaços que surgem da iniciativa popular, em reivindicação à escassez de espaços culturais e bibliotecas públicas nas comunidades. Ainda atuam como uma forma de afastamento dos jovens das diversas situações de violência e vulnerabilidade social.

Leave a Response